(54) 3324-3666

Postagens da categoria:

pecuária de corte

Implementar boas práticas competitivas e aumentar receita na pecuária de corte é o desejo de todo produtor, especialmente diante das excelentes oportunidades oferecidas pelo mercado mercado nacional. 

Segundo a CNA, a produção de carne bovina cresceu 3,9% em 2022, atingindo 10,01 milhões de toneladas e 0,5% de aumento no Valor Bruto da Produção. Inclusive, a bovinocultura de corte é a mais representativa no VBP da área, com cerca de 50% de todo faturamento.

Quer descobrir como sair na frente em 2023 e aproveitar ao máximo as possibilidades deste cenário? A seguir, elencamos algumas das práticas mais importantes para você alavancar a sua produtividade. Confira!

Confira as melhores práticas para aumentar a receita na pecuária de corte

Uma série de ações podem ser adotadas para aumentar a receita na pecuária de corte. Tudo depende do tipo de propriedade que você possui, dos processos que já adota e das melhorias que pode implementar.

Apesar dessa variabilidade, existem boas práticas comuns a toda produção. Elas fazem muita diferença em termos produtivos, mas nem sempre são observadas pelos pecuaristas. Conheça-as e veja quais são os seus principais pontos de atenção:

Invista na qualidade de vida do gado na pastagem

O bem-estar dos animais está diretamente ligado à sua eficiência nutricional e reprodutiva. Um dos principais exemplos é o estresse térmico, que faz o gado consumir menos matéria seca durante sua termorregulação, prejudicando seu ganho de peso.

Para evitar esse tipo de problema, é importante investir na qualidade de vida na pastagem. No caso do conforto térmico, muitos pecuaristas apostam em áreas sombreadas, em que é feita a associação de árvores à área de pastagem. 

Essas árvores são escolhidas de acordo com as condições edafoclimáticas da propriedade. Assim, não interferem no desenvolvimento do pasto, enquanto proporcionam condições muito mais confortáveis aos animais e ainda geram impactos positivos ao meio ambiente.

Por falar no desenvolvimento da pastagem, ela também impacta as condições do gado. A fim de aumentar a receita na pecuária, recomenda-se investir no período seco, ampliar a rebrota no começo das chuvas e promover mais longevidade ao pasto.

Entre as práticas mais indicadas, destaca-se a adubação foliar. Trata-se da pulverização de nutrientes nas folhas. Segundo a Fertili, compostos de uréia e óleo de casca de laranja ampliam até 0,6 toneladas na produção. O custo é de R$263 por hectare, com retorno de R$1.701.

Implemente tecnologias para reduzir a escala de tempo

nutrição do gado - agross do brasil

Apesar de ser reconhecido mundialmente como maior exportador de carne bovina, o Brasil não é líder quando o assunto é produção. Esse título pertence aos EUA, justamente porque os estadunidenses contam com maiores níveis de tecnologia.

Quando tratamos sobre modernização, o foco é produzir mais em menos tempo. Isso significa:

  • Minimizar o tempo de abate
  • Aumentar a eficiência dos insumos
  • Reduzir a necessidade de mão de obra

Outros pontos também influenciam na competitividade da sua propriedade.

Nesse sentido, é possível implementar a inovação de diferentes maneiras. A supracitada adubação foliar é um tipo de tecnologia, assim como os recursos de nutrição que citaremos adiante e seus respectivos insumos e ferramentas.

Para saber em qual recurso investir, é importante conhecer bem as suas necessidades produtivas. 

Por exemplo, se o rebanho não está ganhando o peso esperado, o foco deve estar em melhores tecnologias de confinamento, higienização das baias e nutrição, por exemplo.

Este é apenas um exemplo, mas diversas situações podem exigir medidas diferentes. Para identificá-las, procure mapear seus insumos e serviços, as fases do seu sistema produtivo, as demandas do mercado e os níveis necessários de investimento.

Inclusive, também existem tecnologias específicas para atender essa necessidade. Hoje, os pecuaristas encontram uma série de softwares e ferramentas de monitoramento no mercado, que apontam de forma automática e em tempo real suas demandas e gargalos produtivos.

Priorize a qualidade na nutrição dos animais

Com o apoio da tecnologia e assertividade para definir os melhores investimentos para a sua propriedade, um dos focos mais importantes para aumentar a receita na pecuária de corte é a qualidade nutricional. 

Lembre-se que, como citamos no item anterior, modernizar-se significa produzir mais em menos tempo. Nesse quesito, a nutrição faz toda a diferença para que o processo de engorda seja mais rápido e com total controle sobre os resultados.

A própria suplementação é um tipo de tecnologia. Com ela, a terminação pode ser feita em até 24 meses, de acordo com a supracitada referência da Fertili. Além disso, o faturamento aumenta de R$70 a R$530 por hectare. 

Nas propriedades que não modernizam seus métodos de nutrição, o gado de pastagem é terminado com 42 meses. Trata-se de uma diferença muito significativa em termos de produção e lucratividade.

Tão importante quanto a estratégia nutricional propriamente dita, é a capacidade de implementá-la de maneira mais viável e produtiva. Afinal, é essencial contar com alimentos de altíssima qualidade e que sejam distribuídos facilmente nos silos.

Com bons vagões misturadores, você tem total controle sobre o processo de produção. Ou seja, garante sua máxima excelência e homogeneidade. Além disso, torna a distribuição mais rápida, prática e padronizada para os animais. 

Se você quer garantir a segurança nutricional do seu rebanho, com uma dieta balanceada e qualidade de mistura, conheça as soluções Agross! Produzimos as melhores tecnologias em vagões para você aumentar a receita na pecuária.

16 de fevereiro de 2023

Produtos em Destaque

Kit Plantio Tornitec Agross

Menos trabalho e mais rentabilidade no campo

Vollverini

Descompactador Giratório para Agricultura